A partir do dia 10 de setembro, o Aeroporto Internacional de Florianópolis vai se conectar diretamente com um dos destinos mais visitados do país – Foz do Iguaçu. O voo regular entre as cidades é inédito, já que antes a rota só estava disponível durante a alta temporada.

Com 3 frequências semanais, o voo operado pela Azul Linhas Aéreas acontecerá com aeronave Embraer 195, com capacidade para 118 lugares. A programação inicial inclui voos nas segundas e sextas-feiras, com partida de Florianópolis às 12h e chegada em Foz do Iguaçu, às 13h20, além de um voo no sábado, às 15h55, com chegada prevista para às 17h15.

“A ampliação dos destinos operados de maneira consolidada e não só na temporada de verão é uma das nossas estratégias para Florianópolis. Com Foz do Iguaçu, o Aeroporto de Florianópolis passa a ter mais rotas regulares domésticas do que tinha antes da pandemia, chegando a um total de voos diretos para 11 aeroportos. Antes da pandemia, eram 9. Trata-se da ligação direta entre 2 cidades importantes do cenário turístico nacional” observa Ricardo Gesse, CEO da Zurich Airport Brasil.  

Foz do Iguaçu, no Paraná, é uma ótima opção de destino para os turistas e conhecida mundialmente. Com diversidade de atrativos, a cidade e região reúne encantos para todos os gostos. Atividades ao ar livre, natureza, passeios radicais, excursões ecológicas, parques aquáticos, excelentes hotéis e resorts e muito mais a espera os visitantes.

“Esse é mais um passo essencial para o turismo catarinense: encurtar essa distância entre dois destinos turísticos tão especiais, como Florianópolis e Foz do Iguaçu” destaca o presidente da Santur, Renê Meneses.

“A conectividade entre dois grandes destinos turísticos certamente vai estabelecer boas trocas, mais turistas e mais negócios para ambas as regiões”, reforçou o Superintendente de Turismo da Prefeitura de Florianópolis, Vinicius De Luca Filho.

Além de Foz do Iguaçu, Florianópolis tem voos diretos para mais 10 aeroportos: Guarulhos, Congonhas, Viracopos, Galeão, Santos Dumont, Belo Horizonte, Brasília, Chapecó, Porto Alegre e Curitiba