Construindo o seu novo aeroporto

Programas ambientais Floripa Airport

Durante as obras do novo terminal de passageiros do aeroporto de Florianópolis, a Floripa Airport adotou uma série de ações para a manutenção da qualidade ambiental do aeroporto e seu entorno.

Conheça os 13 programas ambientais vigentes no aeroporto de Florianópolis.


  • Programa de Monitoramento e Qualidade das Águas
    Este Programa afere mensalmente os parâmetros de qualidade das águas superficiais e subterrâneas em 11 (onze) pontos situados no entorno do empreendimento, visando garantir a manutenção da qualidade de água da região. Os resultados obtidos nas análises são comparados com os limites máximos aceitáveis, estabelecidos na legislação ambiental vigente.


  • Programa de Controle de Processos Erosivos
    Para evitar o carreamento de sedimentos para áreas indesejadas ou a desestabilização dos solos, são realizados monitoramentos constantes durante a fase de implantação das obras e adotadas medidas preventivas, tais como: implantação de sistemas provisórios de drenagem para o direcionamento das águas da chuva; implantação de sistemas de contenção; redimensionamento de taludes; plantio de gramíneas em superfícies com solo exposto.
  • Programa Ambiental para Construção

    O objetivo do Programa Ambiental para Construção é definir e orientar a implantação dos procedimentos técnicos adequados, definidos por normas e legislações ambientais aplicáveis, nas diferentes frentes de obra, de forma a possibilitar o estabelecimento de um ambiente seguro em termos de qualidade ambiental e ocupacional no canteiro de obras.


  • Programa de Minimização e Gerenciamento de Resíduos da Construção
    Este programa é responsável por orientar o correto gerenciamento dos resíduos gerados durante a construção, de forma que sejam separados de acordo com suas tipologias (plástico, papel, madeira, orgânico, etc), armazenados em locais apropriados dentro do canteiro de obras e destinados adequadamente para aterros ou reciclagem, por empresas licenciadas, reduzindo riscos de contaminação do solo e das águas durante todas as etapas de implantação do empreendimento.
  • Programa de Monitoramento de Ruídos

    Este Programa de Monitoramento estabelece procedimentos de controle das fontes geradoras de ruídos no canteiro de obras, a fim de possibilitar a manutenção do conforto acústico no local de trabalho e na comunidade do entorno. Para acompanhar os níveis de pressão sonora, são realizadas, periodicamente, aferições com o uso de decibelímetro em pontos pré-determinados no canteiro de obras e nas regiões lindeiras ao empreendimento.


  • Programa de Comunicação Social

    O Programa de Comunicação Social foi criado para estabelecer um sistema de comunicação contínuo entre a Floripa Airport, os funcionários da obra e a população de entorno, para o esclarecimento de dúvidas quanto às obras de ampliação, impactos e programas ambientais implantados nas diferentes etapas do projeto, visando minimizar os conflitos sociais. Qualquer dúvida, sugestão ou reclamação podem ser encaminhadas para a Floripa Airport mediante o canal de Ouvidoria: [email protected] e telefone (48) 3331-4000.

  • Programa de Educação Ambiental voltado para Comunidade
    O objetivo deste programa é possibilitar a troca de conhecimentos com a comunidade, relacionados ao meio ambiente em interface às atividades aeroportuárias, além de disseminar a importância do empreendimento para o município, em especial para as regiões lindeiras. Isso tudo será realizado por meio de atividades de conscientização - como palestras em escolas, exposições, visitas ao aeroporto - para toda a comunidade, trazendo à tona a importância de cada um na conservação do meio ambiente.
  • Programa de Gerenciamento de Riscos
    O Programa de Gerenciamento de Riscos visa identificar, analisar e mitigar continuamente os riscos durante a fase de implantação do empreendimento, buscando a menor incidência possível de emergências e a preservação da integridade física dos usuários e do meio ambiente, durante e após um incidente ou acidente que poderia vir a ocorrer. Simulações de atendimento à emergência são realizadas periodicamente para treinamento dos funcionários da obra.
  • Programa de Educação Ambiental voltado para os funcionários da obra
    Auxiliar no processo de conscientização e sensibilização dos empregados envolvidos nas obras de ampliação do aeroporto quanto à importância de cada um no correto funcionamento da implantação dos programas ambientais, na prevenção da poluição e conservação do meio ambiente.

    Imagens que ilustram: Palestra com funcionários, Lixeiras com cores específicas de acordo com tipo de material (plástico, papel, vidro,...)


  • Programa de Recuperação Ambiental
    Este Programa é responsável por restabelecer a qualidade do solo e a cobertura vegetal de áreas que precisaram ser alteradas momentaneamente para possibilitar a implantação do empreendimento. Assim, após a desmobilização do canteiro de obras, por exemplo, será implantado um amplo Projeto de Recuperação de Áreas Degradadas, contemplando ações como o plantio de mudas nativas e a promoção da regeneração natural.
  • Programa de Monitoramento Arqueológico

    O acompanhamento de um arqueólogo, durante as primeiras fases de implantação do empreendimento, é realizado para garantir que eventuais sítios arqueológicos existentes no local sejam preservados. No caso do encontro de algum vestígio que indique a presença de sítio, é realizado o acionamento do IPHAN - Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional - e o local é delimitado para prospecção.


  • Programa de Controle de Material Particulado
    Este Programa preveni e mitiga o impacto provocado pelos materiais particulados e poluentes atmosféricos emitidos pelos maquinários da obra, visando assegurar a manutenção da qualidade de vida dos trabalhadores e da população do entorno. Para isso, são realizados periodicamente: a manutenção do maquinário; a umectação do solo para evitar a suspensão de particulados; o controle de fumaça preta emitida pela frota veicular; aferição mensal dos parâmetros de qualidade do ar, como dióxido de enxofre, dióxido de nitrogênio, monóxido de carbono; entre outras ações.


  • Programa de Supervisão Ambiental

    Este Programa é responsável por planejar e supervisionar o devido cumprimento de todos os demais programas ambientais elencados na Licença Ambiental de Instalação, garantindo a efetiva aplicação de boas práticas de gerenciamento ambiental durante as obras de ampliação do aeroporto e pleno atendimento às condicionantes exigidas pelo órgão ambiental.


Regulamentação Ambiental

Em 28 de fevereiro de 2018, foi emitida a Licença Ambiental de Instalação (LAI) nº 1485/2018 pelo Instituto de Meio Ambiente de Santa Catarina. A obtenção e o atendimento às condicionantes desse documento garantem que a construção do novo terminal de passageiros esteja em conformidade com a legislação ambiental vigente.

Saiba quais são todas as licenças, autorizações e permissões ambientais concedidas à obra do novo terminal de Florianópolis.


No novo terminal

O novo terminal vai adotar uma série de medidas que contribuem para a sustentabilidade.


  • Reaproveitamento da água da chuva

    Irrigação dos jardins e para serem utilizadas em descargas dos vasos sanitários e demais pontos que não necessitam de água potável.

  • Jardins internos

    Microclima produzido pela vegetação contribui para a diminuição do gasto energético em climatização.

  • LED

    Grande parte da iluminação será com lâmpadas LED, melhorando a eficiência energética e diminuindo a demanda.

  • Redução do uso de energia elétrica

    O projeto utilizará vidros especiais para aproveitar a luz natural durante o dia e bloquear parte dos raios solares, diminuindo o gasto energético com luz artificial, ar condicionado e protegendo do calor.